Sabia que a castanha é um dos alimentos que mais contribui para o seu bem-estar?

A Castanha é um fruto particularmente rico do ponto de vista nutricional. Apesar de pertencer ao grupo das oleaginosas, como as amêndoas, avelãs ou as nozes, a castanha tem um teor mais reduzido de gordura (1,1g de gordura por 100g) não tendo, por isso, um valor energético tão elevado quando comparada com outros frutos da mesma família (100g de nozes têm cerca de 689 kcal e 100g de amêndoas fornecem cerca de 619 kcal).

Constituída maioritariamente por hidratos de carbono que permitem o desenvolvimento da flora intestinal, o alto teor de fibra das castanhas estimula a presença de bactérias probióticas benéficas para o intestino, contribuindo também para a regulação dos níveis de colesterol e da resposta de insulina. Quando comparadas com batatas, as castanhas possuem cerca do dobro da quantidade de amido e são mais ricas em fibra (6g/100g), o que acaba por proporcionar uma saciedade mais duradoura e contribui para o controlar do apetite. Além disto, e por serem pobres em sódio, podem ser consumidas por pessoas com hipertensão ou que têm muita tendência para retenção se líquidos e também são uma boa alternativa para celíacos, já que não contêm glúten.

Principais razões para incluir a castanha na sua alimentação

N

Diminui do risco de depressão

Como é bastante rica em minerais, a castanha ajuda a fortalecer o cérebro e a melhorar todas as funções intelectuais.

N

Ajuda a combater o stress

Como tem elevadas quantidades de fósforo e vitamina B, contribuem para a saúde do sistema nervoso.
N

Deixa-o mais feliz

Sabia que o aminoácido triptofano presente neste fruto promove a produção de serotonina, a chamada hormona da felicidade? Portanto, melhora o humor e a sensação de bem-estar.

Quantas castanhas devemos comer por dia?

Castanhas por dia

Dez castanhas assadas (84g) fornecem apenas 2g de gordura mas 17% da quantidade de fibra necessária diariamente. O ideal será não ultrapassar as seis por dia, tendo o cuidado de as integrar num regime alimentar equilibrado. Pode comprá-las frescas ou congeladas, uma vez que as suas propriedades nutricionais quase não se alteram. São extremamente versáteis em termos de confeção e podem comer-se cozidas com erva-doce, assadas, como acompanhamento de pratos, substituindo o arroz, a massa ou a batata, na base de sopas ou na confeção de apetitosas sobremesas e bolos. As possibilidades são imensas e sugerimos que aproveite esta época para experimentar algumas receitas com castanhas.
Share This